Calvície feminina frontal: como tratar?

A calvície feminina deixa muitas mulheres desesperadas, afinal todos sabem o quanto as mais vaidosas valorizam seus fios e o quanto nossos cabelos representam a imagem que cada uma de nós quer transmitir ao mundo.

Perder o cabelo é sempre ruim, mas pode ser ainda pior quando ocorre a calvície feminina frontal, ou seja, na parte da frente da cabeça.

Se você está começando a notar e ficando preocupada com a calvície feminina frontal, esse post foi feito para te ensinar o que é e como tratar essa condição!

Leia até o final para descobrir 😉

O que é calvície feminina?

Alopecia, que é outro nome para calvície, é uma condição que atinge grande parte da população tanto masculina quanto feminina em algum momento da vida.

Normalmente, a alopecia atinge mais homens por causa de sua relação com os hormônios masculinos e à hereditariedade, mas essa não é uma regra e por isso vemos muitos casos entre mulheres também.

Apesar de não trazer qualquer complicação fisiológica, a calvície feminina pode destruir ainda mais a autoestima e afetar mais psicologicamente do que acontece com os homens, que não valorizam tanto os fios.

Para as mulheres, o cabelo é mais uma forma de expressão, que complementa seus estilos e mostra ao mundo parte de suas personalidades, por isso a calvície feminina muitas vezes nos leva à medidas extremas e desesperadas.

Muitas causas levam à calvície feminina, como alterações na tireoide, amamentação, déficit vitamínico, estresse, uso de pílulas anticoncepcionais, oleosidade capilar, desregulação dos hormônios, entre outras.

A alopecia é classificada de acordo com as suas causas, veja algumas delas:

  • Alopecia Androgenética: relacionada aos hormônios masculinos e à hereditariedade, esse é o tipo mais comum de alopecia. Muitas mulheres também são afetadas pela Androgenética.
  • Alopecia Seborreica: quem sofre com dermatite seborreica pode acabar sofrendo com a calvície feminina, já que os fios tendem a cair na área afetada.
  • Alopecia Traumática: que é causada por traumatismos ou por arrancar os próprios fios de cabelo, nos casos das pessoas que sofrem com problemas de ansiedade.
  • Alopecia Areata: que atinge portadores de doenças autoimunes, como lúpus, ou que é gerada por fatores emocionais.
  • Eflúvio: que acontece por um período, como durante a amamentação.

Celebridades que também são afetadas pela calvície feminina

Muitas celebridades também são afetadas pela calvície feminina, embora não seja um assunto muito divulgado.

Naomi Campbell, Serena Williams e Kristen Stewart estão entre as famosas que sofrem com a queda excessiva:

Tratamento para calvície feminina

Mesmo que esteja sendo afetada pela calvície feminina frontal, você não precisa ficar preocupada! A ciência e a tecnologia hoje já encontraram diversos tratamentos eficazes para alopecia.

O tratamento para calvície feminina mais comum é o uso tópico da loção de Minoxidil, que é usada tanto por homens quanto por mulheres e tem efeitos comprovados por estudos.

Muitos dermatologistas ao redor do mundo recomendam o Minoxidil como primeira opção de tratamento em casos de calvície feminina frontal e para muitas mulheres ele é efetivo.

Além disso, ele é a solução com valor mais acessível para grande parte das pessoas.

O Minoxidil atua como vasodilatador, melhorando a circulação sanguínea no local da aplicação e estimulando o nascimento de novos fios.

Muitas mulheres desistem do tratamento com Minoxidil nos primeiros meses, já que seus efeitos positivos podem ser vistos apenas a partir do sexto mês de uso.

Além disso, é comum que antes de os novos fios nascerem, os antigos que ocupavam o mesmo folículo caiam, causando mais pânico para as mulheres que estão sofrendo com a calvície feminina.

Assim, para alcançar os melhores resultados é importante que você não desista do tratamento nos primeiros meses.

A aplicação de Minoxidil deve ser feita duas vezes por dia, de preferência de manhã e de noite, todos os dias.

Mas é muito importante ter em mente que o Minoxidil é um tratamento tópico, ou seja, superficial, que pode não resolver a causa da sua calvície feminina.

Nunca deixe de procurar um dermatologista especializado e combinar tratamentos ao seu favor.

Outro estudo norte-americano concluiu que a melhor concentração de Minoxidil para mulheres é 2%, porque além de trazer bons resultados, também diminui os efeitos colaterais.

Efeitos colaterais do Minoxidil para mulheres

E por falar em efeitos colaterais do Minoxidil, saiba que você não precisa ficar muito assustada a respeito disso. As reações adversas são tópicas e restritas à área de aplicação, veja:

  • Vermelhidão
  • Coceira
  • Descamação
  • Dermatite leve

Onde comprar Minoxidil para calvície feminina?

Se você ficou interessada em comprar Minoxidil para começar a tratar calvície feminina, deve querer saber onde comprar.

A loja Gigi Hair tem diversas opções de concentrações e marcas importadas de Minoxidil para você!

Não deixe de conferir se quiser os produtos de qualidade que são usados em todo o mundo!

Aprender como lidar com a calvície feminina frontal foi útil?

Aqui no site temos muitos outros artigos interessantes para você!

Se alguma das suas amigas ou parentes sofrem com calvície feminina frontal, não deixe de enviar esse texto para que ela saiba como tratar!

Fontes:

https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/15034503/

https://www.medicina.ufmg.br/estudo-comprova-eficacia-de-minoxidil-no-tratamento-para-perda-de-cabelo-em-mulheres/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *