Como lidar com a queda capilar causada pelo câncer de mama?

Conheça 3 formas de lidar com a queda de cabelo do câncer!

A campanha Outubro Rosa é muito conhecida e ocorre em todos os anos.

Com objetivo de conscientizar mulheres e atrair o olhar da medicina para o câncer de mama, ela se mostra fundamental.

Segundo dados do Oncoguia, apenas em 2018 foram registrados 2,1 milhões de novos casos no mundo.

Naquele mesmo ano, mais de 600 mil pessoas morreram por causa da doença.

As campanhas de conscientização abrangem muitos temas.

Sintomas, prevenção e tratamento são as mais comentadas, mas lemos pouco sobre a saúde mental das pacientes.

O cabelo é parte fundamental da autoestima feminina e nós sabemos quão triste pode ser o momento de raspar.

Muitas mulheres não sabem lidar com essa dor e isso apenas piora os quadros de depressão.

Pensando nisso, escrevemos um artigo para falar sobre como lidar com a queda capilar pelo câncer de mama. Leia até o final para saber!

O câncer de mama

O câncer de mama é o maior pesadelo para muitas mulheres.

A verdade é que ninguém está realmente preparada para lidar com a carga emocional da doença.

Ao mesmo tempo em que abate o corpo, a notícia de qualquer câncer afeta o psicológico do paciente.

Embora muitos casos sejam tratados e curados, a doença sempre está associada à morte.

Os principais sintomas do câncer de mama são:

  • Aspecto da pele do peito semelhante à casca de laranja.
  • Dor.
  • Inversão do mamilo.
  • Retração cutânea.
  • Hiperemia.
  • Descamação do mamilo.
  • Secreção fora do período de amamentação ou gestação.

Reconhecer os sinais no início pode ser difícil para muitas mulheres, por isso consultas regulares com o ginecologista são importantes.

Vale lembrar que fazer o autoexame é essencial.

As causas para o câncer de mama não são conhecidas, mas existem fatores de risco para o desenvolvimento da doença.

Entre eles, podemos encontrar:

  • Idade igual ou superior a 50 anos.
  • Primeira menstruação antes dos 12 anos.
  • Menopausa após os 55.
  • Primeira gravidez após os 30 anos.
  • Uso de contraceptivos orais.
  • Reposição hormonal após a menopausa.
  • Ingestão de bebida alcoólica.
  • Sobrepeso e obesidade.
  • Sedentarismo.
  • Exposição à radiação ionizante.

Como lidar com a queda capilar pelo câncer

Raspar o cabelo é uma das consequências de qualquer câncer.

O corpo, que já é enfraquecido pela doença, fica ainda mais fraco quando submetido ao tratamento.

Quimioterapia, radioterapia e outras medicações fazem os fios caírem.

Para evitar a dor de ver seus cabelos caindo aos poucos, muitas mulheres preferem raspar.

Então, vem a inevitável queda na autoestima.

Quem luta contra o câncer de mama sabe que olhar para si no espelho durante o tratamento pode ser desanimador.

O cabelo é parte importante da autoestima de muitas mulheres.

Até mesmo aquelas que optam por raspar sem ter qualquer doença sabem que o estilo é parte importância da aparência.

O maior problema é para aquelas que não gostam de cabelos raspados ou que não puderam optar pela raspagem.

Nesses casos, a autoestima é ainda mais abalada.

Vamos te mostrar as três formas mais comuns para lidar com a queda de cabelo.

Assim, você pode passar por esse momento difícil se sentindo um pouco melhor sobre sua aparência.

Usar lenços

Usar lenços costumava ser reservado às mulheres com câncer, por isso algumas ainda veem eles com certo preconceito.

Apesar disso, os lenços viraram tendência de moda nos últimos anos.

Existem muitas formas de usar e eles dão toques coloridos e cheios de vida à aparência.

Os lenços são vendidos em muitas estampas e podem ser escolhidos de acordo com o gosto de cada mulher.

Eles também são ótimos complementos, que podem ser mantidos após o fim do tratamento.

Perucas

As perucas eram a solução mais procuradas até pouco tempo quando o assunto era o câncer de mama.

Existem muitas opções disponíveis no mercado, em diferentes cores e formatos de cabelos.

O grande problema das perucas é que o valor das mais realistas não é nada acessível.

Elas são um investimento a ser pensado pela mulher, mas definitivamente ajudam a manter a autoestima nesse período.

As perucas são muito usadas por famosas e cada vez mais adquiridas pelas mulheres no Brasil.

Atualmente, a qualidade surpreendente delas permite que sejam realmente confundidas com cabelo humano.

Minoxidil para mulheres

Outra opção que é cada vez mais procurada pelas pacientes do câncer de mama é o Minoxidil.

Esse é o tratamento mais conhecido para alopecia, a calvície feminina.

Segundo o Oncoguia, ele pode ser usado tanto durante o tratamento de quimioterapia, quanto após.

O Minoxidil para mulheres auxilia não apenas no crescimento dos fios, como também a deixar um aspecto mais saudável neles.

Nós falamos mais sobre esse produto aqui no site.

Mas é preciso estar atenta: a fragilidade do corpo pode ocasionar os efeitos colaterais, que tratam de alergias na pele.

Onde comprar Minoxidil para mulheres?

Você quer começar o tratamento para queda capilar pelo câncer com o Minoxidil para mulheres?

Na loja Gigi Hair você encontra as melhores marcas e pode adquirir tratamento para meses com marcas internacionais!

Em qualquer lugar no Brasil, você recebe frete grátis nas suas compras.

Gostou de aprender mais sobre o câncer de mama?

Nesse Outubro Rosa, não deixe de compartilhar para que mais mulheres saibam como lidar com o momento de fragilidade.

Você enfrenta, já enfrentou ou conhece alguém que está enfrentando o câncer de mama? Deixa sua história aqui nos comentários!

Fontes: [1] [2] [3] [4] [5]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *